e alguns pensamentos...

Pages

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008


Sem Planos


Há dias em que esperamos...
outros agimos...
e tudo gira em torno do mesmo mundo...
dias com graça, dias sem.
Hoje triste.
Amanhã sorrir...
E tudo permaneci aqui.
Não espere...
não espero o trem me levar.
Mas, sei: o trem virá.
E aí, o que devo fazer?!
( Mary )



Cansei de fazer planos, de concentrar minhas raras forças em apenas meras possibilidades, por mais melancólico de possa parecer, mas essa é a pura realidade, tenho gastado minhas energias planejando o fim de semana perfeito, a conversa decisiva, o olhar perfeito, cansei de planejar o passeio ideal com a companhia ideal, sabe os meus planos não passam de ser apenas minha vontade de querer controlar algo imprevisível como a vida.

Sempre tive essa péssima mania que querer que tudo fosse como eu tinha planejado, se fosse diferente não valia a pena, não compensaria o esforço, não me traria nada de bom, e quer saber, minha vida é mais imprevisível que o normal, por que os planos sempre acabam caindo em meio à inconstância dos meus dias.

Mas cansei de querer planejar cada minuto da minha vida, acho que as forças acabaram para isso, a energia de acreditar em meras possibilidades se foi, to querendo apenas saber o que vou fazer neste minuto, neste momento, to com preguiça de planejar minha sexta feira, meu final de semana ou até mesmo o que farei durante meu dia.

Não acredito que isso seja bom, pois os planos sempre me encheram de possibilidade de esperança de vontade de ir à luta de fazer acontecer de fazer dar certo, mas isso tudo passou, essa vontade de foi, junto com vontade de fazer planos.

Agora só me importo com o minuto presente, se amanha vou está na festa mais balada da cidade ou então nos braços do garoto com os olhos mais profundos, vou deixar para pensar nisto apenas um segundo antes, não me importa mais o que vou fazer nos meus finais de semana ou até mesmo aonde vou está na virada do ano novo, vou deixar para descobri na hora, vou deixar esse tal de “destino” me guiar, sabe viver de acordo com aquele velho clichê “deixar a vida me levar”

To concentrando as migalhas das minhas forças, no que acontece agora para assim ainda conseguir aproveitar as tais pequenas coisas da vida.


***************************
Meu caminho é cada manhã
Não procure saber onde estou
Meu destino não é de ninguém
E eu não deixo
Os meus passos no chão
Se você não entende, não vê
Se não me vê, não entende...
( Capital Inicial)

__________________________________________________
Agora são exatamente 12:54am e quer saber ... não tenho a mínima idéia o que será da minha vida amanha, mas uma coisa eu ainda sei, que sempre voltarei a ter minha ... poucasIdéias e alguns pensametos....

p.s : voltarei a comentar nos blogs, mas não me pergunte quando, não saberei responder.
4

4 comentários:

mrs1000 disse...

SEU BLOG A MANEIRA COMO ESCREVE GOSTEI MUITO CONTINUE...

Negâ disse...

Mony tá falando de mim? não, que isso menina estou desse jeito, cansei de tentar colocar as coisas em ordem... deixa a vida me levar, de uma forma ou de outra tudo se encaixa.

Beijos! Feliz ano novo!!!

Srta Diazepan disse...

oi... tô de volta!

beijos

Jean Piter disse...

Querida e bela ruiva

Sei lá o que se passa com você. Mas outro dia até escrevi sobre isso de planejar. Eu estou sempre considerando as possibilidades e normalmente tenho um plano B na manga. Mas claro, as coisas de momento tão são boas, as vezes são ótimas. Só acho que você deve pensar bem na diferença entre planejar e idealizar. Eu não idealizo nada.

Boa sorte a ti
E que Deus esteja contigo sempre
Que 2009 seja um bom ano pra você

Um grande abraço

*Te indiquei a um Meme lá no meu blog. Gostaria de ver suas respostas para conhecer um pouco mais de ti.